paranoid:

vintage blog
marianaasofiaa:

▼ vintage blog ▼
Saudade é amar um passado que nos machuca no presente. É uma felicidade retardada. É deitar na rede e ficar lembrando das ardentes reconciliações depois de brigas homéricas por motivos desimportantes. Sente-se falta de detalhes, como uma toalha no chão, dias chuvosos, da cor dos olhos. A saudade só não mata porque tem o prazer da tortura. Gabito Nunes.  (via lettres-a-paris)

(Fonte: recomendar, via proud-on-me)


Há 3 meses // 11 876 notas
Não sei se já cheguei a me sentir tão feliz quanto naquele dia, mas, pensando bem, era sempre assim quando estávamos juntos. Eu não queria que acabasse nunca. Nicholas Sparks. (via arquidiocese)

(Fonte: recomendar, via proud-on-me)


Há 3 meses // 14 096 notas
goodgreatexceptional:


Future heart breaker.
senhordobolo:

A minha praia! Melides